sexta-feira, 14 de agosto de 2009




Respiro Vida


Vida dádiva divina
Bagagem preciosa do viver

Não tentes me assustar
Nem me desmoralizar
Sei que a conquista e diária


Aprecio o progresso
Que o espírito faz
Sei quanto é frágil

Por isto a cada vitória
A vitória vale mais

O espírito chora
Mas já chorou muito mais
Aprende a cada dia a se levantar

Por isto amo a vida
Porque é dela e só com ela
Que apreendemos a nôs equilibrar

É bom guardar as derrotas
E delas somar as conquistas

Saber sempre recompor
Evitar reclamar
Respirar a vida, e fazer da vida,
Seu respirar

28/08/07 monicapuccinelli